Reeducação alimentar: por que é importante ter hábitos saudáveis?

Se você deseja emagrecer e manter um peso equilibrado e permanecer saudável, deve começar a ter hábitos alimentares diferentes e saudáveis. E a melhor maneira é a reeducação alimentar, pois é através de pequenas mudanças que a reeducação acontecerá e, gradualmente, fará com que a dieta de cada pessoa seja mais saudável e equilibrada.

Nesse artigo você vai encontrar:

O que é reeducação alimentar?

A reeducação alimentar  é um processo de mudança de hábitos alimentares, onde se tem consciência do que faz bem. Ao contrário do que muitos pensam, a reeducação alimentar não é uma dieta.  Porém, embora seja um processo gradual, é possível obter sucesso com a perda de peso, incorporando hábitos mais saudáveis ​​à sua vida. A reeducação alimentar acontece quando a pessoa tem consciência do que está fazendo de errado em relação aos seus hábitos alimentares e apenas entende o que precisa ser mudado.

Como funciona

Muitas pessoas buscam encontrar algum tipo de dieta para perder de peso de forma rápida, na maioria das vezes se limitando a comer um determinado grupo de alimentos até que eles sejam capazes de atingir seu objetivo. E ainda existem pessoas que começam a fazer uma dieta, passam fome, mas quando terminam a dieta, voltam a comer tudo de novo e, consequentemente, o peso também volta. A dieta é importante. Inclusive existem dietas que promovem a reeducação alimentar. Não é necessário parar de comer o que você gosta, mas aprender a comer de tudo, na quantidade certa. A reeducação alimentar  é, sem dúvidas, a melhor forma de se perder peso de maneira saudável e duradoura, trocando bolos, biscoitos, refrigerantes e frituras, por frutas, legumes e carnes magras  por exemplo. 

unnamed 300x169 - Reeducação alimentar: por que é importante ter hábitos saudáveis?

Não é somente o que se come, mas como se come!

Nosso corpo precisa de carboidratos, gorduras e proteínas em quantidades diárias, para que o organismo forme tecidos e gere energia. Em seguida, fontes alimentares de fibras, vitaminas e minerais complementam a dieta equilibrada. O ideal é combinar alimentos e um cardápio de acordo com as necessidades individuais. Um nutricionista profissional, por exemplo, pode auxiliar nesse processo.  Afinal, não é apenas quais alimentos, mas também como você se alimenta. Isso é fundamental na reeducação alimentar. Ao invés de fazer grandes refeições, o ideal é se alimentar em intervalos menores, em pequenas porções.

Reeducação alimentar não é privação

unnamed 3 300x205 - Reeducação alimentar: por que é importante ter hábitos saudáveis?

Se alimentar bem nada mais é do que controlar os nutrientes que compõem a alimentação. O organismo vive mais e melhor. E para isso, ninguém precisa se privar radicalmente de nada. Quando” exageramos” um pouco em um dia, por exemplo, nosso organismo não entende que isso vai engordar. Então não serão 2 pedaços de pizza que vão colocar tudo a perder. Mas sim, a sequência de mais dias e quantidade excessiva de alimentos. E comer bem não vai perturbar sua vida social. Por exemplo, quem come pizza ou hambúrguer no sábado, deve retornar imediatamente ao seu plano de reeducação alimentar no domingo. Sendo assim, se você se permitir comer esses alimentos todos os dias, os problemas começarão.

Como identificar que você está se alimentando de maneira errada?

Como comer é um dos fatores comportamentais que mais influenciam a qualidade de vida, o próprio corpo envia sinais quando algo não está certo:

  • Cansaço frequente e fadiga;
  • Insônia;
  • Constipação ou gases;
  • Dores de cabeça e falhas na memória. 

Dessa forma, por meio desses sintomas, especialmente quando eles se tornam frequentes e rotineiros, você pode identificar a necessidade da reeducação alimentar.

O que comer para ter uma reeducação alimentar ?

O objetivo da reeducação alimentar é fazer com que você se adapte a um novo estilo de alimentação mais saudável, com nutrientes essenciais para que o organismo funcione da forma correta. Mas então, o que devo comer? Você pode comer todos os tipos de alimentos, mas procure sempre escolher aqueles que são mais saudáveis.

  • Frutas, legumes e verduras devem sempre estar presentes nas refeições, pois são fontes de vitaminas, fibras e sais minerais essenciais. Além disso, proporcionam energia para o organismo
  • Carnes magras, peixes, oleaginosas e laticínios sem gorduras, por exemplo também devem estar presentes na alimentação.
  • Prefira os integrais, como pães, arroz e macarrão integrais que também são fontes de fibras.
  • Lembre-se sempre de tomar bastante água! A água é essencial em um processo de reeducação alimentar. Manter-se hidratado fará com que o organismo mande embora as toxinas rapidamente. Dessa forma, a desintoxicação ocorre mais facilmente. Procure tomar pelo menos dois litros de água por dia.

O que evitar?

Em geral, evite alimentos que sejam super processados e alimentos ricos em gorduras, como frituras, por exemplo. Também procure evitar comer muitos doces, como biscoitos recheados e tortas. Refrigerantes, bebidas energéticas e álcool também não combinam com reeducação alimentar. Por isso, evite ao máximo. Mas isso não quer dizer que de vez em quando você não possa “exagerar” um pouquinho. Lembre-se sempre de voltar à sua reeducação alimentar sempre que os “exageros” acontecerem.

Fazer dieta e adquirir hábito saudáveis

Para quem quer e precisa emagrecer, fazer dieta é a forma mais rápida de se conseguir perder peso. Porém, as dietas costumam ter um prazo e algumas são bem restritivas. Mas e depois que a dieta acaba, o que fazer? É aí que entra a reeducação alimentar. Reeducar a alimentação não quer dizer que você não possa fazer dieta. Na verdade, esse é um processo gradual. Sendo assim, após o término da dieta, você deve continuar a ter hábitos saudáveis, através da reeducação alimentar. Mas será que existe alguma dieta que incentive a reeducação alimentar? Sim! A dieta de 17 dias é uma dieta baseada na reeducação alimentar, que auxilia no processo de perda de peso. Além disso, é uma dieta que traz todo o suporte para te ajudar a ter novos hábitos saudáveis de alimentação e de vida! Clique aqui e saiba mais sobre a dieta dos 17 dias!

Pratique exercícios físicos!

17 300x200 - Reeducação alimentar: por que é importante ter hábitos saudáveis?

Atividades físicas são essenciais, especialmente para quem deseja emagrecer mais rápido! Exercícios físicos fazem com que o corpo queime calorias e auxiliam na redução de medidas, sem contar os benefícios que trazem para a saúde. Então, para manter a forma, combine atividades físicas com a reeducação alimentar.

15 dicas para começar a reeducação alimentar

  • 1. Evite dietas milagrosas, prefira as que promovem a reeducação alimentar. 
  • 2. Pratique exercícios físicos.
  • 3. Mesmo exagerando, faça pelo menos cinco refeições por dia.
  • 4. Pequenos lanches entre as refeições evitarão o desejo de comer muito nas refeições principais.
  • 5. Não mordisque o tempo todo entre as refeições.
  • 6. Tente esquecer os biscoitos recheados.
  • 7. Evite água gaseificada. Bebidas gaseificadas dilatam o estômago, dando uma falsa sensação de saciedade.
  • 8. Frutas e iogurtes desnatados são excelentes lanches.
  • 9. Se você quer comer um doce, coma-o. Mas lembre-se: apenas um! É melhor comer um do que uma caixa inteira.
  • 10. Comece sempre a refeição com um prato de saladas.
  • 11. Evite usar óleo para temperar a saladas. Prefira vinagre ou limão.
  • 12. Prefira arroz e macarrão integrais.
  • 13. Molho branco, quatro queijos, bolonhesa são muito mais calóricos em comparação com o sugo. Portanto, não abuse!
  • 14. Não repita a refeição.
  • 15. Evite beber refrigerantes.

 

Sobre o Autor

Paula C
Paula C

Oi, sou a Paula Gosto de comer sem culpa depois de ter lutado e vencido a balança por anos. Acredito que isso pode ser conquistado por todas as mulheres que realmente querem melhorar a saúde e aqui posto conteúdo com este propósito.